Recife anuncia vacinação para idosos com 62 anos ou mais; agendamento já pode ser feito

sábado, abril 10, 2021


A Prefeitura do Recife anunciou, nesta sexta-feira (9), que os idosos com 62 anos ou mais já poderão ser imunizados na Capital. O agendamento para essas pessoas já está liberado no site ou aplicativo do Conecta Recife, e as doses serão aplicadas a partir deste sábado (10), nos centros de vacinação e drive-thrus da prefeitura.


Ao fazer o anúncio, o prefeito João Campos comentou sobre a responsabilidade com que o processo de vacinação é conduzido e garantiu a segunda dose para aqueles que apenas receberam a primeira . “Infelizmente, tem havido o atraso no recebimento de insumos para a fabricação de vacinas, isso fez com que a produção no Butantan fosse paralisada e pode colocar em cheque a vacinação de pessoas no Brasil a fora. No Recife, nós temos a garantia de que todo mundo que recebeu a primeira dose, receberá a segunda dose”, explicou o gestor.

“Também estamos fazendo essa nova abertura porque nós recebemos doses da AstraZeneca, produzidas pela FioCruz, com isso é possível abrir para esse novo grupo. As decisões devem ser balizadas com muita responsabilidade para garantir que todos e todas tenham a segurança de um processo de vacinação organizado e feito da melhor forma pela nossa equipe”, anunciou João Campos.

Na última quarta-feira (7), a capital pernambucana atingiu a marca da capital com o maior número de vacinados com a segunda dose do Brasil. Segundo os dados da Rede Nacional de Dados em Saúde (RNDS), o Recife tem quase 5% da população com esquema vacinal completo. Até o momento, 94.004 pessoas já receberam a segunda dose da vacina no Recife, e 245.268 pessoas receberam ao menos a primeira dose.


Hoje, o Recife está vacinando idosos a partir de 64 anos; trabalhadores da saúde, ativos, de qualquer área, a partir de 50 anos e trabalhadores da Atenção Básica do município. Além deles, os trabalhadores da saúde que atuam em UTIs (adulto, pediatria, neonatalogia, coronária e oncologia), setores de quimioterapia (ambulatorial e hospitalar), segmentos hospitalares de cardiologia, vascular e neurologia (enfermaria e diagnóstico), Terapia Renal Substitutiva (hemodiálise), maternidades (centro obstétrico, berçário, alojamento conjunto, centro de parto normal, diagnóstico e farmácia) e setores hospitalares de endoscopia, broncoscopia e imagem.


Além deles, os que atuam em policlínicas municipais; nas vigilâncias epidemiológica, sanitária, ambiental e do trabalhador também estão recebendo a vacina. O município também está imunizando funcionários do sistema funerário que tenham contato com cadáveres potencialmente contaminados; trabalhadores de saúde lotados em hospitais do município, cirurgiões dentistas e os estudantes da área de saúde que atuam na linha de frente da Covid-19 (UTI e enfermaria Covid) e nos serviços de urgência e emergência.

FolhaPE

Comente

Veja Também

Anterior
« Prev Post
Próximo
Next Post »