João Campos anuncia Auxílio Municipal Emergencial para 30 mil famílias em situação de vulnerabilidade

quinta-feira, março 18, 2021

Não bastasse a crise sanitária, a pandemia de covid-19 atinge com ainda mais intensidade quem vive em situação de vulnerabilidade social. São milhares de famílias que têm enfrentado dificuldades para suprir as necessidades básicas, como alimentação. Pensando em atender às parcelas mais vulneráveis da população, a Prefeitura do Recife lança nesta quinta-feira (18) o Auxílio Municipal Emergencial Recife (AME Recife) para grupos que precisam de um apoio na renda mensal. O prefeito João Campos anunciou o benefício nesta quinta-feira (18), em transmissão ao vivo pela internet. Ao todo, serão cerca de 30 mil famílias contempladas nos meses de abril e maio, o que corresponde a cerca de 120 mil pessoas beneficiadas. O investimento é de R$ 6,4 milhões nas duas parcelas.

“A gente acabou de lançar aqui o AME Recife – Auxílio Municipal Emergencial do Recife. Nosso esforço agora é poder concentrar as nossas energias naquele público que mais precisa neste momento, são 17 mil famílias que hoje estão na fila do Bolsa Família, têm todos os requisitos necessários para receber o Bolsa Família e não estão incluídas no Bolsa Família, e a gente vai poder pagar o auxílio para essas pessoas e para as famílias do Bolsa Família que têm crianças de 0 a 3 anos. Então vamos focar em ajudar as pessoas, que a gente com isso também faça um estímulo na nossa economia para que a gente possa superar esse momento difícil”, detalhou o gestor municipal.

O auxílio será concedido a dois grupos. O primeiro é formado por 17.176 famílias da chamada “fila” do Bolsa Família. São aquelas inscritas no Cadastro Único (CadÚnico), que atendem aos critérios para receber o benefício, mas estão desassistidas pelo Governo Federal. Dessas, cerca de cinco mil sequer receberam o Auxílio Emergencial do Governo Federal ao longo de 2020. Para esse grupo, a Prefeitura destinará duas parcelas, em abril e maio, no valor de R$150 cada. No segundo grupo a ser atendido pela gestão estão 12.451 famílias que recebem atualmente o Bolsa Família e possuem filhos com idades entre 0 e 3 anos. Para esses, o auxílio será no valor de R$ 50 mensais, também nos meses de abril e maio. As pessoas que atenderem aos critérios para receber o AME Recife serão procuradas pelas equipes da Assistência Social da Prefeitura do Recife para receber o benefício.

A vice-prefeita do Recife Isabella de Roldão também participou do lançamento do AME e pediu o apoio dos recifenses no combate à pandemia: “cuidem-se, está mais perto do que longe, acreditem. Mantenham a máscara, o álcool e o isolamento necessário. Esse tempo de pandemia tem nos mostrado que atitude individual tem impacto no coletivo”.

“A Prefeitura do Recife sai na frente dando o exemplo, fazendo o Auxílio Municipal Emergencial, garantindo a proteção social às pessoas mais vulneráveis da cidade do Recife. A gente sabe da importância de chegar junto dessas pessoas e a gente sempre fala que essas pessoas precisam de uma atenção especial do poder público. Inicialmente iremos atender aquelas pessoas que têm perfil para receber o Bolsa Família e que estão na fila de espera. Algumas delas podem até ter recebido o auxílio emergencial do Governo Federal, mas hoje estão sem receber nenhum benefício. São pessoas que estão bastante vulneráveis. O outro público é formado por famílias que recebem o Bolsa Família e têm filhos com idades de 0 a 3 anos. Priorizamos porque a primeiríssima infância é o momento mais importante para o desenvolvimento infantil”, explicou a secretária de Desenvolvimento Social, Juventude, Políticas Sobre Drogas e Direitos Humanos do Recife, Ana Rita Suassuna.

CARNAVAL – Em fevereiro, a Prefeitura do Recife anunciou o AME Carnaval do Recife, benefício destinado a amparar a cadeia produtiva e criativa do ciclo carnavalesco, fortemente impactada pela suspensão da festa oficial. As inscrições terminaram em 16 de março. Cada atração/agremiação habilitada terá direito a 50% do valor máximo unitário de cachê/subvenção, tendo por base o Carnaval de 2020, respeitando o teto máximo de R$ 10 mil.

CESTAS BÁSICAS – No mês do aniversário da cidade, a Prefeitura do Recife lançou a campanha Aniversário Solidário visando arrecadar itens para compor cestas básicas que serão doadas às pessoas em vulnerabilidade social. A iniciativa está sendo organizada pela Secretaria de Desenvolvimento Social, Direitos Humanos, Juventude e Políticas sobre Drogas (SDSDHJPD) e pelo Transforma Recife. As doações já podem ser feitas na sede da Prefeitura do Recife e no Compaz Escritor Ariano Suassuna. As entregas ainda poderão ser realizadas em dez lojas da Rede Big de supermercados localizadas na cidade a partir desta quinta-feira (18).

Comente

Veja Também

Anterior
« Prev Post
Próximo
Next Post »