De portas fechadas, Domingo de Ramos é celebrado com missa virtual em Olinda

domingo, março 28, 2021

A missa que celebra o Domingo de Ramos, dia lembrado pelo Catolicismo como a abertura da Semana Santa, foi realizada ontem com as portas da Catedral da Sé, no Sítio Histórico de Olinda, com as portas fechadas. O arcebispo de Olinda e Recife, Dom Fernando Saburido, presidiu a solenidade, transmitida pelas redes sociais da Arquidiocese. Ainda sob um decreto mais rígido para frear o avanço da Covid-19 em Pernambuco, as manifestações religiosas têm que ser realizadas sem a presença de público.


"Pela segunda vez estamos fazendo essa experiência da missa do Domingo de Ramos sem os nossos fiéis por conta dessa pandemia que continua tirando o sossego do nosso povo. Mas não deixamos de viver esse momento tão importante", ressaltou Saburido.


O arcebispo também lembrou que o dia que abre a Semana Santa é um convite à reflexão sobre a obediência, que segundo ele, foi uma prática de Jesus Cristo até o momento de sua morte. Uma referência aos descumprimentos dos protocolos de saúde vistos nas ruas com tanta frequência - pessoas sem máscaras ou utilizando da maneira incorreta, por exemplo.

"Muitas vezes somos desobedientes, cedemos ao pecado e não somos fieis à palavra e ao compromisso que Cristo veio nos apresentar como proposta libertadora. Que a reflexão sobre a Paixão de Cristo nos motive a assumirmos a cruz, inclusive a cruz da enfermidade, tão presente nesses dias de pandemia, e assim possamos experimentar a vitória sobre a morte e celebrar bem a Páscoa do Senhor", enfatizou.


ORIGEM


O livro sagrado dos católicos, a Bíblia, conta que, ao chegar em Jerusalém, Jesus foi saudado com ramos de palmeira e oliveira pelas pessoas que puderam apreciar a sua passagem. Por este motivo, o dia é chamado de Domingo de Ramos.

DP

Comente

Veja Também

Anterior
« Prev Post
Próximo
Next Post »