Andreza e Romero Albuquerque querem atividades físicas como serviço essencial

quarta-feira, março 03, 2021
A vereadora Andreza Romero (PP) apresentou um projeto de lei na Câmara Municipal do Recife que reconhece as academias de ginástica, estúdios de musculação, de esportes, artes marciais e outros centros de atividade física como serviço essencial à saúde pública. Um projeto semelhante foi apresentado na Assembleia Legislativa de Pernambuco pelo seu colega de partido, deputado Romero Albuquerque, ressaltando ao Governo do Estado a importância de promover saúde física e mental durante a pandemia.

O funcionamento das academias não está previsto na lista em anexo ao Decreto Estadual nº 50.346 publicada na edição desta terça-feira (2) no Diário Oficial do Estado. Em Pernambuco, a partir da próxima quarta-feira (03), qualquer atividade não essencial estará proibida das 20h às 5h, de segunda a sexta, e não poderá funcionar em nenhum horário durante o final de semana.

Igrejas, shoppings e outros centros comerciais também ficaram de fora da lista dos 24 setores liberados a funcionar normalmente. As restrições valem até, pelo menos, 17 de março.

As duas propostas destacam a importância da atividade física para a saúde, com efeitos benéficos físicos e emocionais, segundo suas justificativas. Segundo Albuquerque, o setor sempre esteve disposto a seguir os protocolos de segurança. “O estímulo à prática de atividades físicas reflete diretamente na qualidade de vida e reduz os riscos de desenvolvimento de doenças cardiovasculares, diabetes e problemas relacionados à baixa imunidade, que são fatores de agravamento para a covid-19”, explicou.

“Além da importância para a saúde do corpo, a atividade física é um recurso fundamental no tratamento da nossa saúde mental”, Andreza completou.

Comente

Veja Também

Anterior
« Prev Post
Próximo
Next Post »