Mulher morre após ser baleada e homem fica ferido; ex dela é suspeito do crime

terça-feira, fevereiro 02, 2021
Um casal foi atingido por tiros quando estava na Rua São José, no Centro do município de Ferreiros, na Zona da Mata de Pernambuco. A mulher foi socorrida para o Hospital da Restauração, no Recife, mas não resistiu aos ferimentos e morreu. De acordo com a Polícia Civil, o ex-namorado dela é o principal suspeito do crime.


O caso aconteceu nas primeiras horas da segunda-feira (1º). Em nota, a Polícia Militar relatou que uma equipe do 2º Batalhão foi acionada e encontrou a mulher baleada e consciente. Ela contou aos policiais que estava com o atual namorado, quando ambos foram atingidos por disparos feitos pelo ex.


A mulher foi atingida no ombro direito e abdômen, enquanto o homem teve um ferimento no pé, informou a PM. A assessoria de comunicação do HR afirmou que a ela deu entrada na unidade por volta das 3h20 do mesmo dia e passou por cirurgia, mas morreu por volta das 15h30.


O homem ferido foi encaminhado para Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Timbaúba, na Zona da Mata, segundo a Civil. O G1 tentou contato com a unidade de saúde, mas não conseguiu informações sobre o estado de saúde porque não teve acesso ao nome da vítima.



A Polícia Civil informou que a mulher foi vítima de feminicídio, quando o crime acontece devido a questões de gênero, e o homem de tentativa de homicídio. A corporação abriu um inquérito para investigar o caso. O suspeito ainda não foi localizado.


Violência no estado


De acordo com dados divulgados pela Secretaria de Defesa Social (SDS), Pernambuco fechou o ano de 2020 com um aumento de 8,4% nos números de homicídios, em relação a 2019. No ano passado, aconteceram 3.759 assassinatos, em comparação com os 3.469 crimes desse tipo registrados nos 12 meses anteriores.


Feminicídios deixam marcas nas famílias de vítimas


O balanço apontou que os homicídios contra mulheres passaram de 199 para 237, quando comparados os períodos de janeiro a dezembro dos anos de 2019 e 2020 (veja vídeo acima). Isso representa um aumento de 19,1%.


Os crimes de feminicídio aumentaram 33,3%, quando se contabilizam os meses de janeiro a dezembro de 2019 e 2020. Os registros saíram de 57 para 76 casos. No mês de dezembro de 2020 nove mulheres foram mortas em feminicídios, contra cinco do mesmo período de 2019, um aumento de 80%.

G1

Comente

Veja Também

Anterior
« Prev Post
Próximo
Next Post »