Marinha intercepta embarcação com carga de cigarros sem documentação próximo à costa do Recife

sexta-feira, fevereiro 26, 2021
Uma embarcação de pesca carregada com três mil caixas de cigarro sem comprovação documental foi interceptada pela Marinha do Brasil, a cerca de 90 quilômetros da costa do Recife. A princípio, a carga é estimada em três mil caixas com 50 maços cada, o que totaliza 150 mil maços.


Segundo a Marinha, que divulgou o caso nesta sexta-feira (26), a ação ocorreu na quinta-feira (25). Cinco tripulantes estavam no barco.

O barco foi alcançado pelo Comando do 3º Distrito Naval em águas jurisdicionais brasileiras.

O navio-patrulha da Marinha Guaíba realizava inspeção naval na área quando interceptou o Gohan, embarcação com a carga de cigarros.

Após a interceptação, o Guaíba conduziu o barco de pesca até o Porto do Recife, onde atracou, na manhã desta sexta-feira (26). Os tripulantes foram encaminhados à Polícia Federal (PF).

Segundo a polícia, os cinco foram autuados em flagrante por crime de contrabando, cujas penas podem ser de dois a cinco anos de reclusão. Os cigarros, acrescenta a PF, tinam o Recife como destino.

Na ocasião 05 (cinco) suspeitos foram presos e estão sendo autuados em flagrante pela prática do crime de contrabando que prevê penas de 2 a 5 anos de reclusão. Os cigarros tinham como destino o Recife.

"As investigações prosseguirão a cargo da Polícia Federal que buscará identificar todos os demais envolvidos na prática criminosa. Os cigarros passarão por perícia e estão sendo encaminhados para a Receita Federal", disse a PF.

A quantidade estimada de cigarros é de 3 mil caixas com 50 maços cada, totalizando 150 mil maços. Os números serão confirmados após o encerramento do flagrante.

FolhaPE

Comente

Veja Também

Anterior
« Prev Post
Próximo
Next Post »