Em primeira coletiva, João Brigatti promete 'jogo bem jogado' e futebol ofensivo

sexta-feira, fevereiro 19, 2021
Dois dias após acertar até o final da Série C com o Santa Cruz, João Brigatti, 56 anos, participou da sua primeira coletiva de imprensa pelo comando técnico tricolor. O treinador, que tem passagem vitoriosa pelo Arruda - em 1995, era o goleiro do elenco que conquistou o título do Campeonato Pernambucano - demonstrou ímpeto em construir uma identidade ofensiva do time coral. Entre os principais pontos que o recém-chegado repetiu durante a coletiva, está a sua proposta de jogo.


Afirmando ‘beber’ da fonte de Jorge Jesus e Sampaoli, João Brigatti garante trabalhar por uma adequação do Tricolor a uma postura intensa, aliada ao futebol ‘bem jogado’.


“Eu gosto de jogo bem jogado, ser ofensivo e propor jogo. Mas, para isso, você precisa de uma equipe qualificada, equilibrada. Principalmente, quando estivermos no meio campo e pela defesa, para não corrermos o risco de perder a bola. Depois da vinda de Jorge Jesus e Jorge Sampaoli, mudou o pensamento de todos do futebol brasileiro. De propor, buscar um jogo ofensivo e performar um futebol bonito. Para isso, precisamos de peças. Aqui, no Santa Cruz, dá para propor isso. Porque temos uma equipe qualificada e experiente. Além da saúde e juventude dos atletas da base”, avaliou.


Como dito pelo novato, para o Santa aderir a identidade ofensiva, restam alguns ajustes - além do tempo de trabalho. Para isso, a diretoria coral já definiu as prioridades para os reforços. Sobre a base da equipe que disputou a Série C do Campeonato Brasileiro na temporada passada, o treinador, embora satisfeito com as peças, disse estar ‘atento ao mercado’


“Hoje, eu vejo, dentro do plantel, os atletas experientes mesclados aos da juventude, que possibilitam a implantação do modelo de jogo. Óbvio que estamos atentos ao mercado, mas para trazer atletas que somarão ao time”, disse o treinador, demonstrando satisfação.


Com menos de uma semana de preparação para o primeiro compromisso da temporada, diante do Vitória das Tabocas, na próxima quarta-feira (24), pelo Campeonato Pernambucano, Brigatti pediu paciência e compreensão ao torcedor coral para implementar seu modelo de jogo aos comandados.


“Precisamos do apoio da nossa diretoria, da comissão técnica, dos atletas e, principalmente, da nossa torcida. Para que nos apoie e saiba que, no início, vamos ter um pouco de dificuldade. Aqui, temos muitos homens, atletas de qualidade. É um elenco muito qualificado. Eu tenho analisado Santa Cruz e acredito que vamos fazer um grande trabalho em busca dos nossos objetivos”.


Em seu último trabalho, João Brigatti dirigiu o Paysandu durante a disputa da Série C do Campeonato Brasileiro. Embora tenha tido um bom aproveitamento pelo clube paraense - afinal, em 12 jogos foram seis vitórias, três empates e três derrotas -, o atual comandante do Santa Cruz deixou escapar a promoção à Segundona. Com a derrota que eliminou o Papão, diante do Ypiranga-RS, pelo quadrangular decisivo, Brigatti não resistiu e acabou demitido.

DP

Comente

Veja Também

Anterior
« Prev Post
Próximo
Next Post »