Com live para substituir desfile, Homem da Meia-Noite homenageia Silvério Pessoa, Ed Carlos e Karynna Spinelli

terça-feira, janeiro 12, 2021
O Homem da Meia-Noite anunciou, nesta terça-feira (12), Silvério Pessoa, Ed Carlos e Karynna Spinelli como homenageados em 2021 (veja vídeo acima). Com o tema "Faltam 365 dias!", o gigante de Olinda trocou o desfile pelas ladeiras do Sítio Histórico por uma live devido à pandemia de Covid-19.


A transmissão acontece a partir das 23h do Sábado de Zé Pereira, em 13 de fevereiro, e marca os 89 anos do Homem da Meia-Noite.


"Com sua tradicional orquestra, de roupa nova e com os homenageados deste ano, o calunga vai chegar a casa de cada um por meio das nossas redes sociais e TV", declarou o presidente da agremiação, Luiz Adolpho.


De acordo com ele, o desfile virtual deve ser transmitido de um cenário montado em uma área isolada do Shopping Patteo, em Olinda, com uma equipe de até 60 pessoas.


"Devido à falta de espaço e condições estruturais da nossa sede social e precisando seguir os protocolos de segurança contra a Covid-19, se fez necessário procurar um local apropriado, seguro e amplo e que atendesse todas as exigências sanitárias", disse Adolpho.


Homem da Meia-Noite de máscara aparece na camisa comemorativa do calunga — Foto: Reprodução/TV Globo


O sempre esperado figurino do Calunga ficou a cargo da designer de moda recifense Carol Frexeira. "Quando eu entrei no mundo da moda, o gigante já era o senhor. Então, chegar nesse ponto da minha carreira e receber o convite para produzir o figurino que é o mais importante do estado, talvez até do Nordeste, é uma honra que eu não tenho nem palavras", disse a designer.



Ela adiantou que a cartola do Calunga deve levar consigo um relógio para cada mês do ano, representando a espera ansiosa pelos 90 anos da agremiação.



Homenageados




Silvério Pessoa foi o primeiro homenageado a ser divulgado pelo Homem da Meia-Noite — Foto: Luna Markman/G1


Silvério Pessoa, primeiro homenageado divulgado pela agremiação, nasceu no município de Carpina, na Zona da Mata Norte de Pernambuco. Ele é professor e participou do movimento Manguebeat, com a banda Cascabulho. Após os anos 90, Silvério seguiu carreira solo.


"Recebi a notícia com gratidão, carinho e alegria. É um carnaval diferente, com as ruas vazias, mas o coração pleno. Vamos festejar ficando em casa, zelando pela vida e pela saúde", disse o cantor.


Ed Carlos fantasiado durante show no Recife em foto de arquivo — Foto: Diego Moraes/G1/Arquivo





Com o frevo, coco, maracatu e ciranda, Ed Carlos levou os ritmos pernambucanos a países como França, Itália e Suíça em seus mais de 20 anos de carreira, sendo o segundo homenageado em 2021 pelo calunga.


"É muito bom ser homenageado pelo Homem da Meia-Noite! Eu que tive a felicidade de ser gigante cultural em 2017,e agora essa honra máxima de estar entre os grandes artistas que serão homenageados", afirmou Ed Carlos.


A última homenageada a ser divulgada foi a sambista Karynna Spinelli. Influenciada pelas rodas de samba do Morro da Conceição, na Zona Norte do Recife, ela começou sua carreira em 2004 e segue como representante do samba autoral recifense.


Karynna Spinelli é uma das homenageadas pelo Homem da Meia-Noite em 2021 — Foto: Nilton Leal/Divulgação


"Estou em festa! Que alegria gigante receber essa homenagem e ter um pouco da minha historia misturada com a história do Calunga. E ser uma dar guardiãs da contagem regressiva para os seus 90 anos. Como cantora e mulher do candomblé, eu sou só gratidão", declarou.


As camisetas do bloco, lançadas em dezembro de 2020, foram assinadas pela arte do olindense João Andrade e composição de Rafaela Mendes. Elas podem ser adquiridas por R$ 45 na sede do clube, localizada na Estrada do Bonsucesso, 132, no bairro de Bonsucesso, em Olinda, ou pela loja virtual, com o valor de R$ 50.

G1

Comente

Veja Também

Anterior
« Prev Post
Próximo
Next Post »