Com articulação do deputado Clodoaldo Magalhães, prefeitos da Mata Sul e do Agreste se reúnem com o Governador Paulo Câmara para apresentar reivindicações

quarta-feira, janeiro 27, 2021
Os prefeitos que estão iniciando mandato nas cidades de Água Preta, Ibirajuba, Bom Jardim e Barra de Guabiraba se reuniram com o Governador de Pernambuco, Paulo Câmara, no Palácio do Campo das Princesas, em uma audiência para apresentar pautas com reivindicações para suas cidades. A reunião aconteceu de forma individual, sob articulação do Deputado Estadual Clodoaldo Magalhães. Entre as propostas, estão a construção de rodovias, verbas para saúde e educação e políticas públicas de incentivo social.

Durante a audiência, o prefeito de Água Preta, Noé Magalhães, destacou itens prioritários, como a reivindicação pela requalificação da estrada da PE 99, que liga Água Preta ao Distrito de Santa Terezinha, se estendendo até Xexéu, que teve a requalificação anunciada em 2019, com recursos equivalentes a 30 milhões de reais, e após um ano, ainda permanece estagnada. O prefeito também solicitou incentivos ao Serviço de Água e Esgoto (SAAE) para aumentar o saneamento nos bairros de Nova Água Preta, Bunda da Ema e Eudócia, assim como a concessão de veículos para segurança pública, desapropriação de terras para aterros sanitário e a obra de reconstrução da Creche Jonas Thompson também entraram na pauta estabelecida na ocasião, junto ao recapeamento, recuperação e pavimentação das estradas principais e da rodovia que liga Água Preta a Barreiros.

Maria Izalta, prefeita eleita de Ibirajuba, município com pouco mais de sete mil habitantes, mostrou confiança quanto aos resultados da audiência. Algumas das urgências que a prefeita salientou foram as dívidas de mais de 10 milhões de reais deixadas pela gestão anterior, além da necessidade de reconstrução e recapeamento da rodovia PE 149, que liga Ibirajuba ao Trevo de Lajedo, totalizando uma área de 16km de manutenções. “A reunião com o Governador e com o Deputado Clodoaldo foi de suma importância para Ibirajuba, visto que é o meu primeiro mandato, e assim, podemos dar um norte melhor para a Administração Pública da cidade”, disse.

Para a cidade de Bom Jardim, o prefeito João Francisco, mais conhecido como Janjão, ressaltou a dificuldade do município em receber novos empreendimentos que levem renda à população, uma vez que é preciso que haja a estruturação através da desapropriação de terras para expandir as indústrias e levar desenvolvimento para Bom Jardim. Também mostrou preocupação com o saneamento precário e a escassez de água na região, que chega a ficar sem água por 15 dias consecutivos. O prefeito enfatizou também a necessidade da reconstrução da ponte sob o Rio Tracunhaém e a construção urgente de um posto policial no Distrito de Umari.

A precarização no abastecimento de água e a geração de empregos também entraram na pauta do Prefeito de Barra de Guabiraba, Diogo Silva. “Nossa pauta principal foi questão de captação de indústria para geração de emprego e renda, onde possuímos muita demanda e também a melhoria da infraestrutura do abastecimento de água, que há muito tempo não sofre reformas para atender a necessidade atual do município. Estamos alinhados com Clodoaldo e com o Governador para sanar esses problemas”, destaca Diogo.

Para Clodoaldo Magalhães, essa audiência foi extremamente importante para definir o futuro das cidades com os novos mandatos estabelecidos. “Foram discutidas as prioridades maiores dos municípios, que precisam de apoio para desenvolver e transformar a vida das pessoas. A expectativa é positiva, as providências serão tomadas e todos poderão começar um mandato com a estrutura necessária para buscar ainda mais melhorias, promovendo o bem estar através de saúde, mobilidade, educação e renda”, ressalta.

Os prefeitos solicitaram a regularização dos recursos do Fundo Estadual de Apoio ao Desenvolvimento Municipal (FEM), para auxiliar e melhorar as situações financeiras dos municípios com repasses para obras e manutenção e garantir os avanços necessários que foram requisitados por meio da reunião, dando ênfase aos projetos com mais urgência nos municípios.

Comente

Veja Também

Anterior
« Prev Post
Próximo
Next Post »