Santa bate Sinop/MT e vai pegar o Náutico na Copa do Brasil

sexta-feira, fevereiro 15, 2019
O Santa Cruz cumpriu o seu primeiro grande objetivo do início da temporada. No Mato Grosso, o Tricolor bateu o Sinop/MT por 2x1, na noite desta quinta-feira (14) e avançou para a próxima fase daCopa do Brasil. Além de embolsar uma alta premiação pela classificação (R$ 625 mil), a Cobra Coral vai decidir vaga contra o Náutico, no Arruda, na etapa seguinte.

Mesmo jogando com a vantagem do empate, o Santa Cruz tratou de partir para cima desde os primeiros minutos. E não deu nem tempo de os donos da casa respirarem. Logo no início de jogo, Marcos Martins bateu escanteio, a bola desviou no meio do caminho e acabou sobrando para Elias aparecer no segundo pau e escorar para o gol, abrindo o placar.

Era tudo o que o Tricolor precisava para aplicar o seu jogo com inteligência. Em outras palavras, a equipe pernambucana passaria a se expor menos e exploraria os erros do adversário. O Sinop/MT tratou de reagir. Fernando chegou a levar perigo com uma meia bicicleta. Pouco depois, foi a vez de Cleucio Riquelme assustar com uma forte cobrança de falta.

Ainda assim, foi a Cobra Coral quem teve a melhor chance no restante do primeiro tempo. Em contra-ataque rápido, Allan Dias encontrou Elias. O atacante tentou servir Pipico, mas Guilherme Santiago saiu antes e evitou o gol. Já no começo do segundo tempo, Pipico chega perto mais uma vez de ampliar com um arremate de longe, mas o goleiro rival defendeu.

No meio da etapa final, o mesmo Pipico foi derrubado na área. Pênalti marcado. Na cobrança, o próprio centroavante bateu no canto oposto ao do goleiro e colocou o Santa em tranquila vantagem. No fim do confronto, o jogo ficou mais movimentado. Elias foi expulso e, no fim, os donos da casa diminuíram com Igor, marcando um gol de cabeça após falta cobrada na área.

Ficha técnica:

Sinop/MT 1
Guilherme Santiago; Léo Colman, Bruno Boré, Gustavo Henrique e Jefferson Arroz; Daniel Lucini (Igor Peninha), Natan, Cleucio Riquelme, Deivisson Pikachu e Fabiano (Michel); Fernando (Élber). Técnico: Gianni Freitas

Santa Cruz 2
Ricardo Ernesto (Anderson); Marcos Martins, Vitão, Danny Morais e Bruno Ré; Charles, Diego Lorenzi e Allan Dias (Guilherme Queiroz); Jô (Cesinha), Elias e Pipico. Técnico: Leston Júnior

Local: Estádio Municipal de Sinop/MT
Árbitro: Adriano Milczvski (PR)
Assistentes: Rafael Trombeta (PR) e Joao Fabio Machado Brischiliari (PR
Gols: Elias, aos cinco minutos do 1ºT; Pipico, aos 28 do 2ºT; Igor Peninho, aos 45 do 2ºT.
Cartões amarelos: Michel (Sinop); Anderson, Diego Lorenzi e Elias (Santa Cruz).
Cartão vermelho: Elias (Santa Cruz)

FolhaPE

Comente

Veja Também

Anterior
« Prev Post
Próximo
Next Post »