Interdição altera trânsito no Centro do Recife

terça-feira, fevereiro 12, 2019
O Cais da Alfândega, no bairro do Recife Antigo, ficará interditado para trânsito de veículos até o fim do período momesco por receber um dos palcos do Carnaval 2019 da Cidade. O equipamento começou a ser montado nesta segunda-feira (11). A intervenção altera também o itinerário de 12 linhas de ônibus que atendem a via. Por conta do desvio, a parada de nº 180045, localizada na avenida Cais do Apolo, em frente ao Banco Santander, deixará de ser atendida.

A alternativa para os usuários dos coletivos passa a ser a parada de nº 180024, na avenida Martins de Barros, em frente ao Edifício Inconfidência ou ainda as paradas nº 180288, localizada na rua 1º de Março, em frente ao Banco Itaú, a nº 180266, na rua Siqueira Campos, em frente ao Banco Santander, nº 180290, que fica na 1º de Março, em frente à praça da Independência e nº 180034, disposta na avenida Alfredo Lisboa, próximo ao Marco Zero. Os trabalhadores e frequentadores do Centro, embora animados para o Carnaval, afirmam que a mudança atrapalha a vida das pessoas que precisam dos ônibus para se locomover.

Motoristas que estacionam seus veículos nas vagas de Zona Azul que margeiam o rio Capibaribe também demonstraram insatisfação. “Todo ano isso acontece, e é valido porque a montagem é necessária. Mas, o que é bom para uns acaba sendo ruim para outros. Quem pega ônibus, tem que pegar em outro lugar. Quem estaciona também tem que mudar a rotina”, afirmou a técnica em radiologia Mônica de Barros, 45 anos. O professor de educação física Cláudio Vieira, 48, afirmou que evitará compromissos no Cais da Alfândegaaté o fim do Carnaval. “Eu não sabia que já estava interditada. Não vi algo sobre. Isso aqui já é tumultuado, e interditando piora bastante. Por isso, vou evitar”, ressaltou.

Além disso, outra questão que preocupa as pessoas é o horário de saída para pegar os ônibus nos pontos alternativos, que ficam mais distantes. Alexandra da Silva, 23, trabalha como atendente em uma loja no shopping Paço Alfândega, localizado no Cais. Ela afirma que o maior problema é a falta de segurança. “Quando largo, às 19h, já não está mais tão movimentado nem iluminado e a parada alternativa é em frente ao prédio dos Correios, que fica mais distante para ir a pé.”

Procurada, a Autarquia de Trânsito e Transporte Urbano do Recife (CTTU) informou que, com o intuito de viabilizar a montagem de estruturas para o Carnaval do Recife pela Secretaria de Cultura, o Cais da Alfândega será interditado para o acesso de veículos no trecho compreendido entre as pontes Maurício de Nassau e Giratória. Os condutores poderão utilizar a rua Madre de Deus ou a ponte Maurício de Nassau para seguir em direção à Zona Sul. A CTTU acrescentou que realiza o monitoramento da área até a desmontagem total das estruturas, prevista para acontecer após o período carnavalesco.

FolhaPE

Comente

Veja Também

Anterior
« Prev Post
Próximo
Next Post »