Cuidado Farmacêutico: Pernambuco inicia diagnóstico para projeto

terça-feira, fevereiro 26, 2019
O uso adequado de medicamentos diminui os riscos do tratamento e proporciona a redução de custos das ações em saúde. Pernambuco segue investindo na qualificação dos profissionais de assistência farmacêutica, e na última terça-feira (19.02), representantes da Diretoria Geral de Assistência Farmacêutica, da Secretaria Estadual de Saúde (SES), e coordenadores do Programa de Cuidados Farmacêuticos do Hospital do Coração (HCor), de São Paulo, participaram de encontro, com foco no alinhamento para implantação do Programa no Estado.

Por solicitação do Conselho Nacional de Secretarias Estaduais de Saúde (Conass), o HCor vai capitanear o projeto e por meio de visitas in loco pretende diagnosticar as condições de recursos humanos e estrutura física de cada Estado participante. A intenção dos coordenadores é implantar nos 26 Estados e no Distrito Federal a prática do cuidado farmacêutico, fazendo a capacitação dos profissionais da área assistência, reduzindo a ocorrência de efeitos adversos, otimizando os recursos investidos na saúde, qualificando a assistência, e assim, capacitar os profissionais para dar oportunidade para que cada Estado tenha um piloto que possa disseminar para todos os municípios.

“Em Pernambuco, encontramos uma equipe muito interessada e receptiva ao projeto, o que nos facilita no processo de implementação e de qualificação da assistência farmacêutica no Estado. Inicialmente, vamos fazer uma visita diagnóstica em Caruaru, com a perspectiva que ampliemos para Petrolina, para analisarmos as condições de recursos humanos e de estrutura física. Já em março, esperamos terminar as visitas em todo o País, e logo após vamos começar as capacitações com os farmacêuticos, com aulas teóricas e práticas de acompanhamento dos pacientes, respeitando as características epidemiológicas de cada Estado”, explicou a coordenadora do Programa de Cuidados Farmacêuticos do Hcor, Silvana Vivacqua.

O diretor geral de Assistência Farmacêutica da SES, Mário Moreira, destacou o papel de Pernambuco com foco no cuidado farmacêutico já iniciado na Região Metropolitana do Recife e a expectativa de expansão. “Já estamos com o projeto na Região Metropolitana, realizado em parceria com a Universidade Federal de Sergipe e com o Ministério da Saúde. Agora, pretendemos implantar em Caruaru, pegando também as Regionais de Palmares, Limoeiro, Garanhuns e Arcoverde. O Programa consiste na prática do farmacêutico tratar o paciente na orientação da medicação, orientação da terapêutica e no cuidado com o uso do medicamento. Será um ganho altíssimo para população pernambucana”, finalizou.

Comente

Veja Também

Anterior
« Prev Post
Próximo
Next Post »