Sport encara o Vasco de olho no recesso para a Copa

sábado, junho 09, 2018
Mais do que uma boa largada, é hora de manter o ritmo para não ser atropelado pelo pelotão sedento que vem logo atrás. Com dez rodadas disputadas no Campeonato Brasileiro 2018, o Sport ocupa a segunda colocação na corrida da elite nacional, com 18 pontos ganhos conquistados dos 30 disputados até agora. Restando apenas mais dois jogos para acontecer a parada da Copa do Mundo, na Rússia, o Leão encara o Vasco, neste sábado, em São Januário, às 19h, precisando pontuar para conseguir permanecer entre os primeiros colocados.

O último adversário antes do "recesso" é o Grêmio, na próxima quarta-feira (13), na Ilha do Retiro. Após este duelo diante dos gremistas, a Série A retorna apenas no dia 18 de julho (quarta-feira), com a final do Mundial sendo disputada no dia 15 de julho (domingo).

Seguido de perto por uma grande quantidade de times, caso seja derrotado pelo Vasco e todos os seus sete concorrentes diretos vençam, o Sport pode ser ultrapassado até mesmo pelo nono colocado, o Corinthians, que chegaria aos mesmos 18 pontos que os rubro-negros, mas levaria a melhor no saldo de gols, o jogaria o Leão para a nona posição. Em caso de vitória diante dos vascaínos, os leoninos seguem firme e forte na caça ao Flamengo, líder com 23 pontos ganhos.

Responsável direto por essa boa fase que o time vive, o treinador Claudinei Oliveira rejeita traçar uma meta de pontuação para esses dois próximos jogos antes da parada para a Copa do Mundo. "Não trabalho dessa forma. Comigo é jogo a jogo. Como tem sido até agora, cada partida é uma final e a entrega é total. Além disso, meta traz consigo expectativas até mesmo desnecessárias", comentou Claudinei.

Para encarar o Vasco, o comandante rubro-negro terá a volta do lateral-esquerdo Sander, que cumpriu suspensão na vitória contra o Atlético/PR, na última quarta-feira. Com isso, o prata-da-casa Evandro volta a ficar como opção no banco de reservas. No meio de campo, o time vai tentando se acostumar com a ausência de Anselmo, vendido nesta semana ao Al-Wheda, do futebol árabe.

Com a bela partida feita contra o Furacão, com direito ao golaço da vitória, Fellipe Bastos vai tentando assumir esse posto de referência no setor de marcação. Nas demais peças, o time será mantido. Mais discreto, Deivid vai ganhando espaço no time, fazendo o seu terceiro jogo como titular, o segundo seguido na sua posição de origem.

Vasco

Ocupando a 13ª colocação, com apenas uma vitória nos últimos cinco jogos e com treinador novo, o Vasco tenta se recuperar no Brasileirão. Com a saída de Zé Ricardo, o assistente Valdir Bigode comandou o time no empate em 1x1 com o Cruzeiro, no meio de semana. Diante do Leão, Jorginho (ex-Ceará) já comanda o time na beira do gramado. Recém retornando ao Gigante da Colina, Jorginho deve manter a mesma equipe da última partida.

Ficha do jogo

Vasco
Fernando Miguel; Luiz Gustavo, Paulão, Ricardo e Henrique; Desábato, Andrey, Bruno Cosendey, Yago Pikachu e Wagner; Andrés Rios. Técnico: Jorginho.

Sport
Magrão; Raul Prata, Ronaldo Alves, Ernando e Sander; Deivid, Fellipe Bastos, Marlone, Gabriel e Rogério; Rafael Marques. Técnico: Claudinei Oliveira.

Local: São Januário (Rio de Janeiro). Horário: 19h. Árbitro: Sávio Pereira Sampaio (DF). Assistentes: Daniel Henrique da Silva Andrade e Ciro Chaban Junqueira (ambos do DF). Transmissão: Premiere.



FOLHAPE

Comente

Veja Também

Anterior
« Prev Post
Próximo
Next Post »