Segundo dia de seletiva de Festival de Quadrilhas Juninas da Globo reúne sete grupos no Grande Recife

terça-feira, junho 12, 2018
O segundo dia de seletivas do Festival de Quadrilhas Juninas da Globo 2018 reuniu sete grupos, que mostraram talento, cores e animação, na segunda-feira (11). O evento de classificação, que acontece na quadra do Sesc Goiana, na Região Metropolitana do Recife, conta com a apresentação de mais sete quadrilhas nesta terça-feira (12), a partir das 19h. (Veja vídeo acima)

A etapa seletiva vai até a sexta-feira (15) e a fase final do concurso acontece no dia 17 de junho, a partir das 18h, no mesmo local. No primeiro dia de seletivas, mais sete equipes se apresentaram. Ao todo, 45 equipes se inscreveram no festival.

Nesta terça, se apresentam as quadrilhas “Junina Serrana Matuta”, “Junina Matutinho”, “Xamego de menina”, “Junina matutada”, “Maracatu limoeiro”, “junina Traque” e “Junina tradição”.

Na segunda, a quadrilha “Junina Explosão” foi a primeira a se apresentar. Formada em Buíque, no Agreste do estado, o grupo teve como tema “Se essa rua fosse minha” e contou a história de um homem rico que quer comprar a rua da felicidade e causa uma confusão com um casal de noivos.

A segunda a se apresentar foi a quadrilha “Flor do Sertão”, que participa pela primeira fez do festival. Com o tema “Se flor para ser, flores será”, a agremiação abordou a disputa entre dois coronéis para dar as melhores flores para o andor de São João.

A quadrilha “União Junina” apresentou o tema “O reino encantado de Ariano Suassuna”. A apresentação teve como inspiração as peças de teatro, livros e obras do escritor.

Formada no Ibura, no Recife, a quadrilha junina “Arrocha o nó” se apresentou em seguida, com o tema “Junina Arrocha o nó: a top da galáxia”. Em uma festa junina no espaço, o enredo faz referências as culturas pop e nordestinas.

Outra apresentação da noite foi a da quadrilha “100 hora nordestina”, criada há 11 anos. O grupo teve como tema “Maria, uma senhora nordestina” para falar de festa e religião, além de homenagear as “Marias” do Brasil.

O penúltimo grupo a se apresentar foi a quadrilha “Mistura de Cor”, criada há 25 anos, em Camaragibe, no Grande Recife. Com o tema “Alguém que me proteja”, a equipe abordou as diferentes e inesperadas formas de proteção nas situações da vida.

A última quadrilha a se apresentar na noite foi a “junina Xotear”, de São Lourenço da Mata, no Grande Recife. O tema do grupo, “encantado”, foi inspirado no sincretismo religioso e nos encantos da região Norte do Brasil.

Premiação

Os prêmios para as quadrilhas vencedoras são de R$ 12 mil, R$ 10 mil e R$ 7 mil, para primeiro, segundo e terceiro lugares, respectivamente. A quadilha campeã também vai representar o estado no Festival de Quadrilhas Juninas do Nordeste, no dia 24 de junho. O local do evento ainda não foi definido.

Serviços gratuitos

Durante o festival, a população também pode conferir uma série de serviços de entretenimento, disponíveis gratuitamente na área externa do equipamento cultural. O Polo Forró de Sesc reúne artistas da região, que apresentam repertórios de música regional . Entre as atrações, estão Os Paralelos, Rafael Loretto e Banda, Forrozão Arrecifes, Rodrigo do Arcodeon e outros nomes da cena musical da região.

O espaço conta, ainda, com polo infantil, atividades recreativas, feira de artesanato e espaço com bancos e poltronas a população conversar e/ou descansar. A programação de shows no Sesc Goiana acontece até a sexta-feira (15), e nos domingos 17 e 24 de junho, a partir das 19h se segunda a sexta-feira, e a partir das 17h nos domingos.

Confira a orde das apresentações:

Terça-feira (12)

20h - Junina Serrana Matuta
20h45 - Junina Matutinho
21h30 - Xamego de Menina
22h15 - Junina Matutada
23h - Mandacaru Limoeiro
23h45 - Junina Traque
0h30 - Junina Tradição

Quarta-feira (13)

20h - Brilho de Ouro
20h45 - Junina Flor da Sulanca
21h30 - Junina Estrela Matuta
22h15 - Quadrilha Junina Recriarte
23h - Xapeu de Palha
23h45 - Brigões de Suape
0h30 - Junina Renascer
1h15 - Junina Coração

Quinta-feira (14)
20h - Junina Tom Maior
20h45 - Junina Rosa Vermelha
21h30 - Grupo Cultural Quadrilha Junina Vai-vai na Roça
22h15 - Quadrilha Junina Zé Matuto
23h - Junina Raízes
23h45 - Quadrilha Junina Evolução
0h30 - Forró Baião Nordestino
1h15 - Junina Quentão

Sexta-feira (15)

20h - Junina Forró Fiá
20h45 - Quadrilha Mistura
21h30 - Quadrilha Junina Cariri
22h15 - Quadrilha Cambalacho
23h - Junina Bacamarte
23h45 - A Explosão Coroense
0h30 - Chá de Zabumba



G1PE

Comente

Veja Também

Anterior
« Prev Post
Próximo
Next Post »