Motoristas do transporte complementar do Recife encerram greve após acordo

segunda-feira, julho 17, 2017
Durante uma reunião na tarde desta segunda-feira (17), motoristas do transporte complementar, que paralisaram as atividades desde o início da manhã devido a atrasos salariais, se comprometeram a voltar ao trabalho na terça (18). A decisão foi tomada após um acordo firmado entre o Grande Recife Consórcio de Transporte e o Sindicato dos Permissionários do Transporte Complementar do Estado de Pernambuco (Sintracope), durante uma reunião à tarde. (Veja vídeo acima)

De acordo com o Grande Recife Consórcio de Transporte, o pagamento referente à primeira quinzena dos 45 dias de atraso salarial dos profissionais foi feito na tarde desta segunda (17). A transferência foi efetuada depois que o Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros de Pernambuco (Urbana-PE), responsável pelo repasse do dinheiro da bilhetagem ao estado, repassou o montante necessário para pagar os rodoviários.

“Nessa reunião, o estado nos informou que vai honrar o compromisso de pagar os profissionais mesmo que a Urbana-PE não faça o repasse do dinheiro”, conta o presidente do Sintracope, Manoel Francisco Dias. Por meio de nota, o Grande Recife Consórcio de Transporte informou que "com relação as demais quinzenas, o Consórcio irá honrar com os pagamentos".

Ao todo, 18 linhas deixaram de funcionar nesta segunda (17), impactando cerca de 50 mil passageiros que utilizam o transporte para saírem de áreas de difícil acesso. O Transporte Público Complementar também inclui as linhas interbairros, que funcionaram normalmente. Essa modalidade é composta por micro-ônibus que circulam pelos subúrbios da cidade, sem passar pelo Centro ou pelos grandes corredores de ônibus.

G1PE

Comente

Veja Também

Anterior
« Prev Post
Próximo
Next Post »